Por que gatos ronronam? Entenda o comportamento dos bichanos

Postado por PETZ, em Atualizado em May 17, 2019

Comportamento
Por que gatos ronronam? Entenda o comportamento dos bichanos
Tempo de leitura: 4 minutos

Quem diz que gato não sabe demonstrar seu amor, certamente, não conviveu com esses pets encantadores! Muito carinhosos, os gatos sabem sim mostrar seus sentimentos de maneira única. É justamente enquanto recebem uma carícia, que, muitas vezes, os gatos fazem um barulho estranho, o clássico ronronar dos bichanos! Mas afinal, por que gatos ronronam?

A Petz chamou uma de suas especialistas para tirar essa e outras dúvidas. Entenda o que é esse hábito e como ele está relacionado com o carinho que você está dando para o seu amigo.

O que é o ronronar?

O real motivo do ronronar dos gatos é algo que ainda intriga muitos tutores e mesmo estudiosos. Apesar disso, reconhecer esse som característico é uma tarefa bem mais fácil. Tanto é que, mesmo quem não convive com bichanos, costuma saber identificar o ruído. Você já se perguntou como os gatos fazem isso?

De acordo com estudos, o som sai da garganta do pet. “O ronronar vem da contração e dilatação da glote, na região da laringe. Esse movimento faz com que o local produza uma liberação de ar, emitindo o barulho”, explica a médica veterinária da Petz, Dra. Tuany Fialho.

Um comportamento primitivo

A razão pela qual gatos ronronam alto, muitas vezes, ainda causa dúvidas até mesmo em cientistas. No entanto, uma coisa é certa: eles aprendem a ronronar desde muito cedo. Alguns estudos indicam que com dois dias de vida os bichanos já conseguem emitir esse som.

Segundo algumas teorias, isso seria para chamar a atenção da mãe, facilitando a localização do filhote na hora de ela amamentar. Não à toa, acredita-se ser por isso que muitos gatos adultos ronronam na hora da refeição: associam o som ao ato de comer desde sua infância.

Todo gato ronrona?

A maioria dos gatos ronronam, mas nem todos! Especialistas acreditam que gatos que não tiveram a presença da mãe na primeira infância tendem a não ronronar. Como é um comportamento adquirido nessa fase, pets que não foram estimulados a ronronar desde cedo, possivelmente, não terão esse hábito durante a vida adulta.

Por isso, se seu bichano não emite o som característico, não se preocupe. Não é falta de afeto! O mais provável é que ele apenas não tenha aprendido a fazer isso.

Ah! E você sabia que o ronronar não é exclusivo dos gatos domésticos? Outros felinos, como o lince e o guepardo apresentam o mesmo comportamento. Já leões e tigres não ronronam, pois sua laringe possui estruturas diferentes e próprias para outro som: o rugido. Nesse sentido, estudiosos hoje dividem os felinos entre os que rugem e os que ronronam.

Afinal, por que gatos ronronam?

Como dito antes, na verdade, essa é uma pergunta que ainda intriga muitos estudiosos. Geralmente, o ronronar é associado a um sentimento de alegria e satisfação. Isso, porque é comum que os gatos ronronem no colo de seus tutores enquanto recebem um carinho.

No entanto, estudos mostram que nem sempre o “ronrom” é por prazer. “O ronronar também pode indicar insatisfação, estresse ou até mesmo algum incômodo relacionado à saúde” diz a Dra. Tuany. Dentre os motivos mais comuns do ronronar do gato, podemos citar:

  • Satisfação: é a razão mais comum. Os gatos ronronam para demonstrar que estão felizes com um carinho;
  • Fome: muitos gatos ronronam quando estão com fome ou quando percebem que está na hora da ração. Estudiosos acreditam que isso está relacionado à infância do pet, pois quando é bebê, o gato ronrona para despertar a atenção da mãe e assim ser amamentado;
  • Comunicação: alguns estudos demonstram que o ronronar é uma maneira do gato se comunicar. O ronronar pode ser diferente e mudar de frequência de acordo com a situação. Assim, é fácil perceber a diferença de um ronrom de carinho para um de fome, por exemplo;
  • Cautela: o ronronar do gato também pode significar cautela ao entrar em um ambiente novo e desconhecido. Enquanto exploram o local, sempre com muito cuidado, é comum ouvir o chiado característico dos felinos,
  • Dor: alguns ronrons são ainda associados à dor. Gatos podem ronronar inclusive durante doenças graves. Alguns estudos associam o ronronar à cura. Segundo eles, a vibração deste som estimularia o sistema defensivo do bichano. 

Sinais de atenção para saber por que gatos ronronam

Apesar de, na maioria das vezes, o ronronar ser um bom sinal, é bom ficar atento. “É importante observar se, junto do ronronar, o pet esboça algum outro comportamento diferente do normal”, alerta a Dra. Tuany. O ronronar excessivo associado a outros comportamentos pode indicar alguma doença ou incômodo.

“Caso observe algo fora do comum, leve o pet a um médico-veterinário para uma pesquisa mais detalhada”, completa a especialista. A Petz conta com uma equipe profissional e atenciosa, que poderá dar todo o cuidado que seu amigo peludo merece. Procure uma de nossas clínicas e venha nos fazer uma visita!

Compartilhe:

#

Petz

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Petz

#

Aqui você encontra tudo e um pouco mais sobre o incrível mundo animal e fica por dentro dos cuidados essenciais com seu bichinho de estimação, seja para um cachorro, gato, passarinho, hamster, peixes e muitos outros — ou todos eles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *